Sistema da Fazenda libera mais policiais para as ruas

Cerca de 60 policiais deixaram atividades burocráticas e voltaram às ruas em todo o Estado após a automatização do processo das diárias da Polícia Militar e sua integração com o Sistema de Planejamento e Gestão Fiscal (SIGEF), administrado pela Secretaria da Fazenda. Até o ano passado, o pagamento e a prestação de contas das diárias eram feitos de forma manual. Para dar conta do volume de processos físicos, era necessária uma força de trabalho significativa de policiais. Para ter uma ideia, só na Operação Veraneio são cerca de três mil policiais recebendo diárias em três etapas. “A PM entrou em contato conosco e vimos que era uma ótima oportunidade. Os resultados desse trabalho mostram que a transformação de processos é o caminho para reduzirmos custos e ao mesmo tempo melhorar o atendimento ao cidadão”, destaca o contador Marcelo Inocêncio Pereira, gerente da Diretoria de Contabilidade da Fazenda e responsável pelo SIGEF.

A prática será estendida a partir de agora também para os processos do Corpo de Bombeiros. Além de aliviar a carga de trabalho, a automatização das diárias também contribuiu para dar mais transparência ao processo. Antes, cada batalhão tinha um detentor de adiantamentos que administrava a conta das diárias em seu nome. Os pagamentos eram feitos com cheque. Se algum servidor não prestasse informações das despesas, travava a conta do detentor. Agora, os pagamentos são feitos diretamente ao beneficiário da diária, por meio de processos de pagamento em lote. A prestação de contas tem baixa automática no SIGEF, que alimenta o Portal da Transparência.

Com informações da Assessoria de Comunicação da Secretaria de Estado da Fazenda de Santa Catarina.
Foto: Jaquelina Nocetti/SECOM

ăn dặm kiểu NhậtResponsive WordPress Themenhà cấp 4 nông thônthời trang trẻ emgiày cao gótshop giày nữdownload wordpress pluginsmẫu biệt thự đẹpepichouseáo sơ mi nữhouse beautiful